Responsável-pelo-RH-Conheça-6-maneiras-para-economizar-tempo-e-dinheiro-2

Ser um profissional multitarefa é cada vez mais indispensável na rotina dos profissionais de vários setores. Inclusive dos responsáveis pelos Recursos Humanos de uma empresa que, além de coordenar equipes e gerir informações de diversas áreas do negócio, ainda precisam mediar interesses, lidar com recrutamento, seleção, treinamento, desenvolvimento, dentre diversas outras questões em busca de melhores resultados para a empresa.

Sim, a gente sabe que o dia a dia de um gestor de RH é conturbado e que, em muitos casos e por esse motivo, acaba-se gastando mais tempo, e consequentemente dinheiro. Por isso, listamos seis maneiras para que você consiga mudar este panorama agora mesmo. Confira e aplique-os o quanto antes!

1- Evite o retrabalho: treine seus colaboradores e delegue tarefas

Ainda é bastante comum o perfil de gerente de Recursos Humanos centralizador, que acredita que sua equipe não possui qualificação suficiente para desenvolver as atividades necessárias como ele faria. Isso é um grande problema por dois motivos: o primeiro é que você sempre estará demasiadamente cheio de tarefas, o que pode prejudicar em sua performance e, consequentemente, resultar em retrabalho – o que significa perda de tempo e de dinheiro.

Já o segundo motivo é a questão de não confiar nos profissionais que você possui o que, no longo prazo, pode ser um tiro no pé – afinal, se algum imprevisto ocorrer e você não puder comparecer, os processos ficarão estagnados. Além disso, se você não passa as suas atuais responsabilidades a outras pessoas, não conseguirá atribuir a si novas atividades, que podem levar ao desenvolvimento profissional para ocupação de novas funções.

2 – Estruture processos de recrutamento e seleção com fases eliminatórias em grupo

A sua hora de trabalho e de seus analistas é cara. Por isso, uma forma de poupar tempo e também dinheiro para a organização é estruturar processos de recrutamento e seleção que contem com mais fases em grupo, incialmente. Além de exigir um único profissional para as fases eliminatórias, o tempo utilizado nas entrevistas é consideravelmente reduzido, o que permite investi-lo em outras situações.

3 – Considere um software para delegar e acompanhar tarefas

O mercado dispõe de software para gestão de tarefas e projetos, contribuindo para delegar, acompanhar e gerir atividades de colaboradores de forma mais ágil, prática e econômica. Considere a utilização de um e veja como isto contribuirá para a sua rotina.

4 – Use a tecnologia a seu favor: comunicadores corporativos contribuem com o processo de comunicação

Quando a empresa é pequena, é fácil estabelecer uma comunicação com todos os colaboradores por meio de e-mails e até mesmo de grupos em aplicativos públicos de chat mobile. Contudo, com o crescimento da empresa, a divisão de áreas e níveis hierárquicos, esta tarefa pode ficar um tanto quanto confusa, além de o processo, por ser manual, ficar lento e ineficiente. Por isso, o indicado é a utilização de um aplicativo ou softwares que permitam a comunicação entre lideranças e liderados, poupando tempo, dinheiro e ampliando o a eficiência da comunicação interna evitando ruídos.

5 – Invista na automação de processos

A definição de processos é indispensável para a automação deles. Isso porque quando os passos para a execução de uma atividade são traçados, é possível identificar ferramentas e recursos que podem contribuir para o ganho de produtividade, ou seja, redução de tempo de trabalho, evitar o retrabalho e, assim, reduzir custos.

6 – Planeje as ações que serão desenvolvidas

Pare de trabalhar “apagando incêndio” e haja de forma preventiva, planejando as ações e estratégias que serão desenvolvidas e executadas no decorrer do ano. Isso contribuirá para que você consiga colocar as ideias de sua equipe em prática, com margem de tempo para sanar quaisquer imprevistos.

E você, gerente de RH, conhece alguma outra maneira para economizar tempo e dinheiro no desenvolvimento de suas atividades de rotina e do setor que é responsável? Conte para a gente nos comentários!

Deixe uma resposta