Equipe Produtiva – Quais os Segredos?

Equipe Produtiva
Como muitos já sabem, uma das melhores maneiras de manter um negócio bem-sucedido é possuindo uma equipe produtiva. No entanto, esse processo nem sempre é simples.

Às vezes, é preciso um pouco mais para obter o melhor de sua equipe. Não se trata apenas de contratar as pessoas certas – você também precisa cultivar um ambiente que lhes permita crescer e crescer junto com a sua empresa.

Se você não está fazendo o máximo que pode para garantir que os membros da sua equipe estejam felizes, motivados e verdadeiramente envolvidos no negócio, você está fazendo um desserviço para você, sua equipe e mesmo para seus clientes.

Para ajudá-lo a evitar esse cenário, preparamos algumas dicas de como ter uma equipe produtiva, confira!

Como construir uma equipe produtiva

Construir uma equipe produtiva não é tão difícil quanto você pensa. A seguir, estão algumas dicas sobre o que você deve fazer com os seus funcionários para aumentar a produtividade, o foco e o bem-estar global da equipe

Reconhecimento

É muito fácil esquecer que as pessoas que trabalham para você são apenas pessoas. Como gerente de equipe, tente se conectar com todos os que trabalham para você o mais rápido possível e aproveite para aprender sobre quem eles são como indivíduos. Aprenda a reconhecer tudo o que estão fazendo por você e sua empresa.

Os funcionários que se sentem apreciados e respeitados pelos seus chefes sempre estarão propensos a dar o seu melhor e apresentar alta produtividade.

Comunicação aberta

Um bom líder também é capaz de promover um ambiente onde as pessoas possam falar abertamente. Aqui, a prática do feedback é altamente encorajada.

O líder irá garantir que a informação esteja disponível para fluir livremente, sendo sempre clara a respeito de metas e expectativas para que toda a equipe seja responsável por resultados.

Ao compartilhar conhecimento e tomada de decisão com a sua equipe, este líder constrói uma transparência que, ao longo do tempo, criará a confiança que irá ajudar a equipe a ser igualmente transparente entre si.

Conhecimento

Os membros da equipe devem ter conhecimento do papel que a sua participação desempenha na empresa. Eles devem ser informados sobre como a equipe ajudará a empresa a atingir os objetivos estabelecidos.

Certifique-se de que os indivíduos da sua equipe entendam onde o seu papel individual se encaixa no contexto geral da visão, dos objetivos e valores da empresa, esses cuidados favorecerão o desenvolvimento de uma equipe produtiva e engajada.

Comprometimento

Verifique se cada membro está interessado em participar do trabalho em equipe e disposto a realizar cada tarefa delegada. Todos os membros devem estar empenhados em cumprir a missão e obter os resultados combinados. Assim, cada um será capaz de enxergar o seu trabalho como um componente valioso para a organização.

Confiança

São os líderes que devem criar espaço para que os outros experimentem e falhem. Quando erros forem cometidos, os membros da equipe irão saber que faz parte do ambiente de aprendizagem. Assim, você terá funcionários que não têm medo de correr riscos calculados.

A importância de um ambiente de trabalho positivo para o desenvolvimento de uma equipe produtiva

Um bom ambiente de trabalho pode trazer muitos efeitos positivos sobre o bem-estar do empregado e também para o seu negócio, ajudando a construir uma equipe produtiva. Se as pessoas estão felizes com o ambiente e o local do trabalho, a cada dia eles se tornam mais produtivos e cometem menos erros.

Por outro lado, é um fato conhecido que, se uma pessoa está se sentindo para baixo, ela traz muitos outros para baixo com ela. A negatividade é contagiosa e pode ter um efeito prejudicial no local de trabalho. Um ambiente negativo não só faz com que os funcionários fiquem infelizes com seus empregos, mas também os leva a ser menos produtivos.

Esses foram alguns segredos para ajudar você a construir uma equipe produtiva. A SabeSim, através de sua plataforma, apresenta um conjunto de estratégias que ajudam a aumentar a performance da sua equipe.
Entre em contato hoje mesmo e saiba como podemos ajudar a implantar e desenvolver as melhores estratégias de gestão em sua empresa.

Leia Mais

Sistema colaborativo pode ajudar minha empresa?

Sistema Colaborativo
O primeiro passo para saber como um sistema colaborativo pode contribuir para o crescimento de uma empresa é entender o seu conceito. Ele vai além de ser uma ferramenta onde mais de uma pessoa pode trabalhar em uma tarefa.
Colaborativa também vem de uma ideia de compartilhar: ajuda, conhecimento, objetivos comuns e além, claro, do objetivo de contribuir. Juntando todos esses princípios surgiram as ferramentas colaborativas e todo o potencial para ajudar empresas e pessoas.

Sistema colaborativo – uma história rápida

Historicamente o objetivo da criação de sistemas colaborativos surgiu de uma necessidade de dois profissionais de tecnologia que precisam trabalhar em um mesmo projeto, em locais e horários diferentes e integrados a outros colaboradores.
A partir dessa ideia, novas ferramentas e usos foram surgindo e hoje temos a possibilidade de um único trabalho ser desenvolvido a várias mãos. Consequentemente, as empresas obtiveram bons resultados, ao verificarem que, além de terem ganhos produtivos, passaram também a ter funcionários mais integrados e colaborativos.
Em resumo, um sistema colaborativo é a integração de várias pessoas para alcançar de forma eficiente a realização de trabalhos, tarefas e metas. Os benefícios são diversos para as empresas, como veremos a seguir.

Um sistema colaborativo pode realmente ajudar minha empresa?

Certamente! Quando bem aplicado, com o uso de um fluxo de trabalho, com uso de equipes específicas e bem treinadas. As tarefas podem ser realizadas de forma eficiente e com resultados incríveis.
Os primeiros benefícios são o compartilhamento de ideias e de talentos. O sistema colaborativo também influencia fortemente na cultura organizacional da empresa, aumentando a produtividade pessoal. Existem vários outros aspectos positivos e limitações ligados ao conceito da colaboração, mas nosso foco será ns ferramentas de colaboração.

Os benefícios de sistemas colaborativos

Em uma organização, o uso de um sistema colaborativo e suas ferramentas apresenta vários benefícios.

  • Permite uma comunicação eficiente

Na comunicação interna, o sistema colaborativo permite o compartilhamento de desafios e soluções entre os colaboradores, contribui com a integração dos funcionários e estimula a comunicação e a produtividade. Um bom exemplo são as ferramentas de mensagens corporativas.
Outro bom exemplo de colaboração ainda relacionado à comunicação interna é o sistema de notícias. Essa tipo de ferramenta busca compartilhar artigos, notícias e matérias que fazem parte do interesse da empresa e dos colaboradores. É uma forma de estimular a interação entre os funcionários através dos comentários e a publicação de opiniões e ideias relacionadas ao tema.

  • Facilita o compartilhamento de normas e documentos

Dentro do âmbito organizacional, os sistemas colaborativos permitem que normas e documentos que fazem parte dos processos e políticas da empresa sejam distribuídos de forma eficiente e segura.
Um dos famosos exemplos de ferramentas são os wikis das empresas, utilizados como fonte de consulta desde a missão e valores do negócio até manuais e documentos. Além de compartilhadas, as informações elas são atualizadas em um processo facilitado.
Outro exemplo são os conhecidos discos virtuais de documentos, um pouco diferentes do wiki. No caso dos discos, os colaboradores têm acesso aos arquivos de diferentes formatos que podem ser utilizados como fonte de consulta ou até mesmo acessados durante sua elaboração ou atualização.

  • Auxilia na gestão eficiente de tarefas

A gestão de projetos traz o desafio de administrar um grande conjunto de tarefas e compromissos. Nesse sentido, as ferramentas colaborativas permitem o gerenciamento das equipes, suas responsabilidades e prazos e ajudam também a identificar gargalos e visualizar resultados.
As ferramentas que utilizam o sistema colaborativo com resultados fantásticos são Kanban online e o sistema de calendário e compromissos. São recursos integrados em plataformas online e seguras.
Os sistemas colaborativos, além de ajudarem as empresas e colaboradores, ainda potencializam resultados e contribuem no processo produtivo. Podem ser utilizados em diferentes estratégias da empresa e podem ser aplicadas em diferentes segmentos.
A SabeSim conhece bem o potencial de um sistema colaborativo e o oferece através de várias ferramentas que fazem parte da plataforma SabeSim. Venha conhecer mais dos recursos e aproveite para testar de forma gratuita. Em caso de dúvidas entre em contato com nossos colaboradores ou através de nosso blog

Leia Mais

Modelo de comunicação interna ideal para minha empresa

Modelo de Comunicação Interna
Qual a melhor maneira de criar um modelo de comunicação interna para uma empresa? Você já deve ter visto aqui em nosso blog o quanto a comunicação interna é estratégica para qualquer organização. Mas como criar um modelo a partir do zero ou quando a estratégia atual não está dando resultados?
Vejamos alguns passos que podem ser seguidos para a criação de um padrão aplicado para seu público interno. São sugestões com base nas boas práticas e associadas a ferramentas que auxiliam na implantação deste modelo.
As sugestões podem ser utilizadas por empresas de qualquer segmento ou porte, bastando apenas o planejamento e adaptação adequado à realidade da organização.

Passo 1: Tenha uma visão atual de sua estrutura

Qual é a estrutura de sua empresa? Revise seu organograma, entenda como é formada sua organização e observe como a comunicação interna terá impacto na cadeia produtiva e junto aos funcionários.
Pense nessa visão como determinante para definir os objetivos do modelo de comunicação que será criado. Essa perspectiva definirá por exemplo como será a comunicação entre os executivos e colaboradores. Tenha sempre em mente que comunicação interna é fator estratégico e, portanto, prioritário.

Passo 2: Saiba qual é a cultura da empresa

Pense ou entenda qual é a visão, os valores e comportamentos da empresa. Estes são pontos fundamentais para ter uma percepção da cultura corporativa.
Através da cultura organizacional você terá condições de determinar por exemplo como serão os canais de comunicação, o formato (de maneira formal ou informal) e como será direcionada (vertical, horizontal ou diagonal).

Passo 3: Defina seus objetivos

Nesse momento você deve definir os objetivos que serão alcançados ao implantar o modelo de comunicação. É importante saber onde você está agora e para onde você está indo. Basicamente, é saber os resultados esperados após implantação do padrão.
Os objetivos do seu modelo de comunicação interna podem ser determinados em linhas gerais, por departamentos e até mesmo pelo comportamento esperado dos colaboradores.

Passo 4: Elabore o modelo de comunicação interna

Os três primeiros passos servirão para te dar uma ideia geral e uma visão de como deve ser a estratégia de comunicação interna a ser adotada em sua empresa. Chegou a hora de elaborar o modelo, pense-o como um projeto.
O projeto será a formalização dos seguintes itens:

  • O momento atual e o futuro (objetivos)
  • Como você vai chegar lá
  • Quanto tempo levará
  • Os passos a seguir e a abordagem
  • E como saber que você chegou lá (resultados esperados)

Ao final de sua reflexão, você entenderá que não são quatro simples passos, será um caminhada que não poderá ser feita sozinha. Pesquisa, ajuda e apoio serão itens indispensáveis nessa jornada para a definição de modelo e sua implantação.

Canais e ferramentas aplicadas ao modelo

Ao final da definição do modelo, dois pontos importantes serão determinados: os canais e as ferramentas a serem utilizadas na comunicação interna. Através deles, grande parte dos objetivos serão alcançados em sua empresa.
Tenha a certeza de utilizar mecanismos que incentivam o envolvimento dos colaboradores, o compartilhamento de informações, a comunicação bidirecional entre funcionários e gestores. Associe a esses princípios o uso de plataformas integradas, online e faça o uso de ferramentas que facilitem a comunicação interna.
Como ferramentas que potencializam a implantação do modelo de comunicação interna, podemos destacar:

Sua jornada está apenas começando. O modelo ideal de comunicação interna começa a ser desenhado a partir das suas reflexões e das sugestões apresentadas neste artigo. Muita coisa precisa ser desenvolvida, mas esse será seu pontapé inicial.

Compartilhe sua visão estratégica do modelo de comunicação interna ideal nos comentários ou entre em contato com a SabeSim. A nossa plataforma possui toda a estrutura necessária para implantar o seu modelo. Continue também acompanhando as dicas em nosso blog e as novidades nas redes sociais.

Leia Mais

Como a comunicação no ambiente de trabalho pode ajudar minha empresa

Comunicação no ambiente de trabalho
Empresas que incentivam a comunicação no ambiente de trabalho possuem 2,5 vezes mais chances de obterem alto desempenho em seus resultados, segundo a pesquisa feita pela consultoria  Willis Towers Watson. Uma vez consolidada como cultura da empresa, a comunicação interna promove o crescimento e torna a organização mais bem sucedida.
No ambiente corporativo a comunicação deve ser considerada como estratégica, pois com ela é possível realizar importantes discussões além da conexão entre as equipes. Associada a boas práticas e ferramentas de tecnologia, a empresa cresce com a participação de todos.

Comunicação no ambiente de trabalho e as boas práticas

A fórmula utilizada para se obter uma comunicação produtiva em um ambiente de trabalho se faz com o uso das melhores práticas, já utilizadas e comprovadas pelo mercado. Vejamos algumas boas estratégias a serem adotadas e seus resultados.

  • Defina a estratégia da comunicação

A comunicação considerada eficaz é aquela apresentada de forma clara e transparente, portanto nada de mensagens enigmáticas ou que demandam muito tempo para sua interpretação. Mensagens bem formuladas promovem a comunicação efetiva entre a gerência e os colaboradores focando no negócio.

  • Estabeleça uma comunicação bilateral

A relação de comunicação dentro de uma organização não pode ser apenas unilateral e direcionada dos executivos para os colaboradores. É importante que seja de forma aberta, devendo-se criar uma cultura de diálogo; isso é possível ao utilizar-se reuniões e seminários para estimular a interlocução.
Essa comunicação torna mais fácil a adaptação de comportamentos e políticas dentro da empresa.

  • Evite a sobrecarga de comunicação

Antes de iniciar sua estratégia de comunicação, é essencial a definição de prioridades para cada tipo de mensagem a ser enviada pela empresa. Evite que o canal de comunicação se torne “spam” e que os funcionários passem a ignorar as mensagens enviadas.
Avalie o que pode ser enviado para cada tipo de comunicação e dê prioridade ao que deve ser enviado pelo e-mail. Aquilo que apresentar menor relevância deve ser publicado em quadro de avisos.

  • Estimule a criação de ideias

Não faça da comunicação no ambiente de trabalho uma ferramenta de avisos. Compartilhe notícias interessantes, tendências e informações sobre a área de atuação, pois isso faz com que os colaboradores fiquem atualizados sobre as notícias recentes, encoraja a troca de opiniões, sugestões e ideias.
Esse tipo de estímulo faz com que as equipes se sintam mais participativas, motivadas e cria novas perspectivas dentro da empresa.

  • Reconheça o sucesso

Reconhecer os casos de sucesso, a eficiência operacional e integração entre as equipes são alguns exemplos de como utilizar os canais de comunicação no ambiente de trabalho para incentivar e estimular os colaboradores.
Vá além da publicação do funcionário do mês, valorize as iniciativas e os bons resultados. Dessa forma você terá colaboradores mais engajados, satisfeitos e motivados.
Estas são apenas algumas das melhores práticas para ajudar com a comunicação no ambiente de trabalho, junto com essas recomendações associe o uso das ferramentas para cada tipo de comunicação.

Use as ferramentas certas na estratégia de comunicação

Para aplicar as práticas recomendadas, utilize ferramentas adequadas, escolha os instrumentos de acordo com cada tipo de comunicação. Adote plataformas integradas com prioridade na facilidade de uso, gestão e segurança.
Para falar sobre ferramentas de comunicação, vamos utilizar como referência a plataforma da SabeSim, que concilia as boas práticas com as funcionalidades necessárias para a melhor comunicação em um ambiente de trabalho.

A Intranet é uma das mais poderosas ferramentas de comunicação nas empresas atualmente. Ela permite integrar toda a empresa através de várias ferramentas e compartilha as informações de forma eficiente e organizada. Permite ainda distribuir documentos, formulários e notícias.

Uma comunicação efetiva começa com a troca de mensagens entre seus colaboradores, e desta forma se torna indispensável um sistema robusto de envio e recebimento de mensagens. Como vantagens temos o aumento de produtividade e o gerenciamento seguro das informações.

Como vimos, o compartilhamento de conteúdo apresenta diversos benefícios e por isso ter uma ferramenta que permita a criação e compartilhamento de informações, artigos e matérias é essencial. Essa funcionalidade é de uso simples e prático e permite a participação de toda a organização no compartilhamento e na troca de ideias.

Associado a uma ferramenta para tomada de decisões, o protocolo online automatiza processos decisórios. É possível a aprovação de decisões e opiniões, leitura de documentos e comunicações.
Como você pode ver, associar as boas práticas e as ferramentas corretas sempre será o melhor caminho para alcançar a melhor comunicação no ambiente de trabalho.
Aproveite para colocar essas dicas na prática testando a plataforma da SabeSim de forma gratuita. Em caso de dúvidas entre em contato com nossos colaboradores. E não deixe de acompanhar novas dicas em nosso blog e as novidades nas redes sociais.

Leia Mais

Comunicação organizacional na empresa e as melhores práticas para desenvolver

Comunicação organizacional
A comunicação organizacional é uma das principais estratégias a ser utilizada para estreitar a relação entre colaboradores, investidores, clientes e fornecedores. Através dela o canal de diálogo será aberto e uma sinergia será criada entre a empresa e seu público alvo.
Com o uso da comunicação organizacional através da qual a cultura da empresa será transmitida, a organização ganha força estratégica junto ao mercado, principalmente em tempos que mudanças ocorrem rapidamente.
Como principal forma de integração com a sociedade, o diálogo institucional deve ser realizado de forma responsável e muito bem planejado, com uso de equipes capacitadas e ferramentas que permitam a melhor interação, de acordo com cada tipo de audiência e meio utilizado para a comunicação.
Por toda sua importância, vamos entender melhor como deve ocorrer a comunicação organizacional e como as boas práticas podem melhorar a forma de interação com sua audiência.

Como a comunicação organizacional é classificada

De acordo com a audiência, a comunicação organizacional pode ser classificada por quatro tipos de interlocução:

  • Comunicação Institucional: voltada para o mercado e abrangendo clientes, investidores, fornecedores e a sociedade.
  • Comunicação Mercadológica: tem o objetivo de apresentar ou melhorar a imagem dos produtos ou serviços junto ao mercado.
  • Comunicação Administrativa: visa o público interno, sendo aplicada aos setores da empresa e administração, tem a finalidade de orientar os fluxos organizacionais, normas e regras da organização.
  • Comunicação Interna: busca promover a interação organizacional entre os funcionários, informar, compartilhar ideias e promover o espírito de equipe na empresa.

Use a ferramenta certa

Quanto ao uso da ferramenta ideal para impulsionar a comunicação organizacional de sua empresa, tudo vai depender do tipo de comunicação e do público alvo direcionado.
Para as comunicações do tipo institucional e mercadológica, onde há um envolvimento basicamente do público externo, as ferramentas mais atuais estão integradas com a Internet como meio de entrega, portanto é comum utilizar-se as seguintes ferramentas:

  • Site Institucional
  • Blog
  • Redes Sociais
  • E-mails e Newsletters
  • Propaganda em rádio, TVs e jornais

As comunicações que envolvem o público interno da empresa, administrativa e interna, já possuem algumas características diferentes, pois neste caso são compartilhadas informações mais sensíveis e voltadas aos diretores e funcionários, não devendo haver exposição ao público externo. Podem ser utilizados as seguintes ferramentas:

Ainda tratando-se da questão da segurança, o uso de plataformas integradas garante a comunicação entre todos os departamentos, de forma a assegurar a confiabilidade e o armazenamento das informações. O meio utilizado para essa comunicação é a Intranet.

Aplique as boas práticas

Para garantir a qualidade e eficácia na troca de informações é recomendado utilizar as melhores práticas, já testadas e aplicadas no mercado. Vejamos algumas:

  1. Faça o planejamento e defina os objetivos a serem alcançados.
  2. Defina métricas que caracterizam o alcance e o sucesso das mensagens.
  3. Utilize as ferramentas certas.
  4. Seja visual e, quando possível, descontraído.
  5. Forneça canais de feedback e ideias.
  6. Incentive a comunicação e a colaboração.
  7. Evite os excessos de mensagens.
  8. Seja transparente.
  9. Compartilhe tudo que for relevante para o público.
  10. Utilize mensagens claras e objetivas

Estas foram algumas das melhores práticas para ajudar em sua estratégia de comunicação organizacional. A SabeSim, através de sua plataforma, apresenta um conjunto de soluções integradas que ajudam a promover a informação e o engajamento de seus funcionários, com base em segurança e alta disponibilidade.
Entre em contato hoje mesmo e saiba como podemos ajudar a implantar e desenvolver as melhores práticas existentes.

Leia Mais

Comunicados aos funcionários – Quais as melhores ferramentas

Comunicados aos funcionários
Independentemente do porte, a comunicação entre os colaboradores será sempre um dos principais recursos de apoio em uma gestão eficiente das empresas. Mensagens curtas, anúncios e até a publicação de normas, são exemplos de como podem ocorrer o envio de comunicados aos funcionários de uma organização.
Ao contrário de um conversa feita presencialmente, onde além da mensagem apresentada a expressão corporal influencia no indicativo de urgência ou importância do comunicado, a informação transmitida aos colaboradores com uso de ferramentas deve ser feita corretamente, associada ao tipo de mensagem, com conteúdo claro e objetivo, e apresentando seu grau de prioridade e aplicabilidade.
Vejamos neste artigo quais os tipo de comunicados aos funcionários devem ser utilizados e quais ferramentas são aplicadas para uma troca eficiente de informações dentro da empresa.

Use a ferramenta correta para o envio de comunicados aos funcionários

Existem diferentes tipos de comunicados que podem ser utilizados na empresa. Eles possuem o objetivo de transmitir uma informação, são classificados de acordo com seu conceito, a sua transmissão e a forma como deve ser priorizada.
Quanto aos tipos de mensagens, podemos classificar de diferentes formas:

  • Interna ou externa: define-se apenas onde se encontra o público alvo dos comunicados, para os funcionários (interno), ou clientes e fornecedores (externo).
  • Comunicação escrita ou oral: o método utilizado para transmitir mensagens, de forma escrita (e-mails, manuais, intranets, entre outros) ou de maneira oral (destacam-se as palestras, reuniões e confraternizações).
  • Comunicação direcionada ao nível hierárquico: para os líderes (vertical), entre os colaboradores (horizontal) e para os diferentes níveis hierárquicos (diagonal).

É possível ainda classificar os tipos de comunicados aos funcionários de acordo com a ferramenta a ser utilizada para o envio:

  • Mensagem: apresenta a característica de ser curta e não necessariamente é aplicada e visualizada por todos os colaboradores da empresa. São exemplos o e-mail, ligações telefônicas e mensagens de texto via celular. Atende necessidades mais rápidas e restritas.
  • Informativo: de caráter mais abrangente, alcança um número maior de colaboradores. São os memorandos, anúncios e comunicados em quadros de avisos.
  • Norma: possui natureza mais formal e de caráter duradouro. São diretrizes, regras ou procedimentos que devem seguidos pelos funcionários. A sua elaboração passa por um processo de criação, revisão e aprovação feito pela direção da empresa.

Os comunicados do tipo mensagem e informativo são utilizados como ferramentas oficiais de comunicação interna, entretanto permitem um formato mais informal e possuem sua validade reduzida, pois atendem a demandas específicas por tempo determinado e nem requerem um processo de elaboração e aprovação feito pela diretoria.

Utilize a estrutura correta na elaboração dos comunicados aos funcionários

Além de utilizar o tipo de mensagem e a melhor ferramenta para o envio, outra prática recomendada é a estrutura da mensagem. Mesmo que seja curta e temporária, o ideal é que siga um padrão mínimo que facilite a leitura e compreensão.

  • Título ou cabeçalho: destaca-se pela definição do público alvo e o assunto. Muito comum ser empregado o uso de remetente e destinatário, data do envio e o assunto ou título.
  • Introdução ou abertura: um ou dois parágrafos utilizados para uma breve apresentação do assunto que será detalhado durante o comunicado.
  • Corpo do texto ou mensagem: consiste no detalhamento do comunicado com todas as informações necessárias ao público alvo.
  • Conclusão ou encerramento: são as considerações finais sobre o assunto abordado.

Vale ressaltar que essa estrutura apresentada e a formatação utilizada no texto será adaptada à categoria da mensagem e ao mecanismo utilizado para o envio.
Outro fator importante na comunicação eficiente nas empresas é a integração das ferramentas de comunicação com sua plataforma de gestão. Isso se dá pelo fato de a troca de mensagens e seu armazenamento ocorrer em local seguro, em conjunto com outras ferramentas existentes no sistema e que podem ser divulgadas e consultadas pelos colaboradores da empresa.
A plataforma da SabeSim possui as melhores ferramentas a serem utilizadas na comunicação eficiente de sua empresa. De fácil utilização, permite a elaboração, revisão e correção, assim como a divulgação entre colaboradores e seus departamentos.
Entre em contato com a SabeSim e conheça mais sobre a nossa plataforma e como ela pode ajudar sua empresa. 

Leia Mais

5 motivos para sua empresa utilizar um software de comunicação interna

Comunicação Interna

Quem possui pouca experiência no mundo corporativo, deve pensar que enviar uma mensagem para um gestor ou colega de trabalho é algo muito simples. Afinal, temos hoje tecnologias que cumprem muito bem esse papel. Mas quem já tem alguma experiência, sabe que as falhas na comunicação interna acontecem quando se menos espera, e normalmente geram atrasos, retrabalhos e vários outros prejuízos para a empresa.

É por isso que tanto os gestores mais experientes como os de primeira viagem devem encarar a comunicação interna com mais atenção. E para garantir que as informações trocadas no ambiente de trabalho cheguem ao destino correto, no tempo certo e com a clareza necessária, eles precisam adotar um software de comunicação interna. A seguir, mostraremos 5 bons motivos para sua empresa adotá-lo o quanto antes. Veja:

1. Elimina a distância física entre todos da equipe

Uma das principais barreiras de comunicação é a distância física, que impede que as equipes internas interajam com as externas e que os gestores se relacionem com seus colaboradores enquanto viajam. O software de comunicação interna resolve esse problema, permitindo que todos da equipe compartilhem informações entre si através de computadores ou dispositivos móveis, independentemente do local e da hora.

2. Centraliza as informações

Em muitas empresas, os colaboradores utilizam vários apps e redes sociais para trocar mensagens, o que não é adequado. Isso porque esses canais, além de não serem seguros, complicam ainda mais a comunicação. Um software de comunicação interna centraliza todas as informações em um único portal, possibilitando que os gestores controlem o fluxo de dados e que todos da empresa utilizem apenas um canal para se comunicar.

3. Assegura a chegada das mensagens

Apps de mensagens, redes sociais e até mesmo ferramentas de e-mail não asseguram o envio das mensagens ao destino certo, no prazo correto. O software de comunicação interna elimina possíveis falhas e garante a chegada das informações, para que perdas, atrasos e retrabalhos sejam evitados. Essa garantia também contribui para o aumento da produtividade do time e para a realização das atividades de forma mais rápida e eficiente.

4. Mantém os colaboradores informados acerca das novidades

Até algum tempo atrás, os principais canais de comunicação interna nas empresas eram os murais, os comunicados impressos e os jornais corporativos. Mas as novas tecnologias tornaram esses canais obsoletos. Com o software de comunicação interna, os responsáveis consegue enviar de forma simples e rápida notícias e artigos para todos da equipe, para mantê-los sempre informados e envolvidos com os assuntos da empresa.

5. Ajuda a manter o ambiente limpo e organizado

A eliminação dos murais e dos comunicados impressos, graças ao software de comunicação interna, ajuda a manter o ambiente de trabalho sempre limpo e organizado e gera economia de tinta e papel, o que é bom para o caixa da empresa e para o meio ambiente. Com o software, os gestores passam a imprimir planilhas e documentos físicos apenas quando precisarem cumprir exigências protocolares ou legais.

Como você pôde ver, existem muitas razões para sua empresa começar a utilizar um software de comunicação interna. Lembre-se de que o modo como as pessoas se comunicam mudou. Logo, é preciso modernizar os meios que elas utilizam para trocar informações.

Com esse software, sua empresa consegue garantir que todos da sua equipe estejam devidamente alinhados e trabalhando em conjunto para atingir o sucesso.

E então, ficou convencido de que sua empresa deve possuir um software de comunicação interna? Então aproveite para conhecer mais detalhes sobre a solução do Sabesim ou entrar em contato conosco para tirar suas dúvidas!

Leia Mais

7 problemas que uma comunicação interna ineficiente pode gerar

problemas comunicacao interna

A comunicação é um processo que faz parte da vida de qualquer ser humano. Se não pudermos nos comunicar, não conseguimos repassar nossa mensagem, nem nos relacionar com outras pessoas. No ambiente empresarial, a boa comunicação também desempenha um importante papel, pois é através dela que os gestores conseguem manter seus colaboradores em sintonia e sempre focados nos mesmos objetivos.

Mas quando a comunicação é feita de forma ineficiente, ou nem mesmo existe, a empresa acaba sendo impactada de várias formas. O primeiro problema diz respeito aos desentendimentos, que geram atrasos e retrabalhos. E com o tempo, a saúde financeira e a reputação do negócio começam a dar sinais de estagnação. A seguir, mostraremos outros 7 problemas que a comunicação interna ineficiente é capaz de gerar. Confira:

1. Redução do índice de produtividade

Discordâncias, equívocos e mal-entendidos ocorrem com muita frequência em ambientes corporativos onde a comunicação apresenta falhas. Isso porque os gestores e colaboradores não se comunicam de forma eficiente, o que acaba levando eles a cometerem erros graves e atrasarem a realização das tarefas.

2. Perda do controle das atividades e processos

Por não se comunicarem adequadamente com os colaboradores, os gestores acabam ficando desatualizados acerca do que está acontecendo na empresa e perdendo o controle das atividades e processos. E sem esse controle, eles não podem monitorar pendências, delegar tarefas e contornar problemas que possam afetar os prazos de entrega.

3. Dificuldade para disseminar informações importantes

Falhas na comunicação interna também impedem o compartilhamento de informações sobre a situação da empresa. A não comunicação de fatos importantes, como as novas oportunidades de mercado, os produtos ou serviços que serão lançados e os desafios a serem superados, impede que os colaboradores fiquem atualizados.

4. Tomadas de decisão tornam-se mais complexas

Quando os diversos setores da empresa (marketing, planejamento, vendas, etc) não estão integrados, nem falando a mesma língua, os responsáveis acabam tendo dificuldades para coletar informações importantes. Como resultado, as tomadas de decisão ficam mais complexas e demoradas, o que impacta o andamento dos negócios.

5. Não compreensão dos objetivos empresariais por parte da equipe

Sem um fluxo de informação eficaz, a empresa não consegue comunicar com clareza a sua estratégia e seus planos para os membros do time. Isto dificulta a compreensão das metas por parte dos recursos humanos e os leva a caminharem em direções completamente oposta aos objetivos da organização.

6. Diminuição da motivação e do comprometimento

Uma cultura corporativa sem foco na colaboração, resultada de falhas na comunicação interna, torna os profissionais muito menos engajados com os trabalhos. E isto acaba abalando o comprometimento pessoal e coletivo, obrigando a empresa a fazer demissões e aumentando a taxa de rotatividade de funcionários.

7. Aumento dos custos e perda de posições no mercado

Quando os colaboradores erram, e os responsáveis não têm conhecimento disso devido à comunicação ineficiente, os prazos de entrega acabam sendo estendidos. E quando isso acontece, os custos das tarefas são drasticamente aumentados, fazendo com que a organização perca importantes vantagens competitivas no mercado.

Todos esses problemas, resultados da falta de uma comunicação interna eficiente, impedem que as empresas atinjam os objetivos tão almejados. É por isso que os gestores precisam garantir que a comunicação interna flua sem obstáculos e atinja todos da sua equipe. Para isso, é importante que eles contem com uma ferramenta tecnológica que simplifique a troca de mensagens, estimule a colaboração e facilite a disseminação das informações.

E sua empresa, está enfrentando algum desses problemas? Aproveite para saber como o software de comunicação interna do SabeSim pode ajudá-lo a contorná-los! E se quiser nos contar suas experiências, aproveite o campo de comentários abaixo!

Leia Mais

Desempenho Profissional: como melhorar o trabalho?

Desempenho Profissional: como melhorar o trabalho

Todo gestor deve ter como prioridade buscar ações que contribuam para o aumento do desempenho da equipe de trabalho. Afinal, quanto mais o time produz, melhores são os resultados não apenas para o setor, mas para toda a empresa.

Mas como incluir este desafio na já atarefada rotina de quem lidera uma equipe? Contamos alguns segredos simples e eficientes para isso neste artigo, confira:

Como melhorar o desempenho da equipe

Para melhorar o desempenho da equipe, é preciso apostar em ações e soluções que contribuam para o aumento da sinergia dos membros do time. Para isso, melhorias na comunicação são essenciais. Afinal, se os colaboradores não têm um bom diálogo, há muito mais probabilidade de erros e de perda de tempo em atividades que não são prioridade.

Melhorar a comunicação, é portanto, um dos segredos para que a equipe trabalhe em alta performance. Também é fundamental que haja um bom gerenciamento de tarefas e que as horas de trabalho sejam bem aproveitadas.

Gestão de projetos

Quando a equipe inicia um projeto, é preciso garantir que cada colaborador tenha ciência do papel que desempenha e que as metas e objetivos estejam claros para todos. Também é essencial que o gestor consiga manter todas as tarefas necessárias para atingir estes objetivos sob controle.

Quanto mais organizado é o trabalho do time, melhor é o seu desempenho. Conheça quatro elementos fundamentais para facilitar a organização das atividades e a gestão dos colaboradores envolvidos no projeto:

Controle de atividades

É muito importante que o gestor tenha pleno conhecimento do status de cada atividade desempenhada pelos membros da sua equipe. Só assim, ele pode replanejar tarefas, quando necessário, e fazer os ajustes necessários para evitar atrasos e erros no processo.

Um bom sistema de gestão facilita este controle, porque permite que o líder acompanhe prazos e compartilhe compromissos com a equipe com precisão e agilidade.

Gestão do tempo

Existe um recurso precioso, que deve ser bem gerenciado para que a equipe trabalhe com rendimento máximo: o tempo. Certifique-se de que as horas do seu time sejam bem aproveitadas, evite que os seus colaboradores percam muito tempo com atividades que têm pouca relevância para a conclusão do projeto.

Para isso, é preciso manter um controle das horas gastas com cada atividade e fazer constantes alterações no cronograma da equipe, com base neste controle e na análise de prioridades.

Comunicação interna

Um dos maiores perigos da falta de comunicação é o retrabalho – e é justamente o retrabalho um dos maiores responsáveis por atrasos no cronograma e pela falta de produtividade na equipe. Investir em ações e soluções que ajudem a melhorar o diálogo entre os colaboradores é essencial para evitar que isso aconteça no seu time.

Reuniões semanais com intuito de deixar toda a equipe a par do andamento do projeto, processos mais transparentes através da implantação do kanban são alguns exemplos de soluções que contribuem para uma melhor comunicação entre a equipe.

Mensagens organizadas

Um sistema de comunicação interno, que permita a rápida troca de mensagens entre o time, é um exemplo de ferramenta que pode contribuir de tal maneira para a melhora do desempenho da equipe que merece um tópico especial no nosso artigo. Quanto mais simples for o compartilhamento de informações entre a equipe, melhor para o andamento do projeto.

Também é essencial que haja uma boa organização das mensagens trocadas para evitar que o time perca tempo tentando se encontrar em mensagens mais antigas ou procurando por informações essenciais para dar continuidade às tarefas.

Uma equipe que apresenta bom desempenho agrega valor à empresa, porque garante projetos de qualidade, produzidos em menos tempo.

A sua equipe já trabalha em alta performance? Que tal investir em soluções para melhorar a comunicação, a gestão do tempo e o controle de tarefas? Conheça a solução Sabe Sim!

Leia Mais

O que é e para que serve um portal corporativo?

Portal Corporativo

Hoje em dia, uma empresa que busca por produtividade precisa ter eficiência na hora de organizar, compartilhar e disponibilizar as informações de interesse para a gestão e para seus funcionários em um único local. Esta é a principal função de um portal corporativo.

Este sistema, que funciona via Internet e oferece ferramentas interativas. Desta forma, todos podem navegar a vontade. A diferença entre um portal corporativo e um website é que, no primeiro, o acesso é controlado por senhas e níveis de acesso, o que garante a proteção das informações.

Funcionários mais sintonizados e alinhados

Por meio de um portal corporativo, os usuários têm a sua disposição informações particulares, interatividade e mobilidade já que ele pode ser acessado remotamente, desde que tenham sinal de internet e, como já dissemos, suas senhas de acesso.

Os funcionários ganham mais sintonia com os assuntos relativos ao negócio da empesa em que atuam, ficam mais bem informados sobre a cultura, os valores, as rotinas internas e as políticas da organização e podem, consequentemente, realizar suas atividades de forma mais alinhada aos objetivos da Empresa. Os gestores, por sua vez, ganham um poderoso instrumento de apoio para os momentos de tomada de decisões.

O portal corporativo contribui, ainda, com a padronização de um canal interativo e dinâmico de comunicação entre os diversos setores e áreas da empresa, o que facilita a gestão do conhecimento, tão necessária para as companhias. Este aspecto é, inclusive, bastante avaliado pelos órgãos certificadores em auditorias externas, feitas para se obter uma série de certificações conceituadas no mercado.

Outras vantagens oferecidas pelos portais corporativos:

Notícias:

Na esfera da comunicação interna, o sistema garante a autonomia para a empresa selecionar e publicar notícias;

Interatividade

Os processos ficam mais enxutos na medida em que o portal promove o autoatendimento, disponibilizando os demonstrativos online para os funcionários;

Transparência

A divulgação de assuntos interessantes aos funcionários, como novas admissões, transferências de profissionais, desligamentos, promoções e movimentações pode ser feita por meio do Portal;

Clima

O clima organizacional da empresa melhora porque o Portal pode parabenizar aniversariantes, organizando-os por dia, semana ou mês – conforme definição do RH. Assim, eles recebem os cumprimentos dos colegas gerando um ambiente caloroso e afetivo;

Valorização

Os reconhecimentos por tempo de casa dos funcionários também podem ser feitos por meio do portal, valorizando as pessoas que construíram a trajetória da empresa até então;

Intranet

Ao gerenciar os dados, os aplicativos e informações com facilidade e com perfis personalizados, links de outros portais e sites, o portal corporativo pode ser considerado como um portal intranet, no ambiente corporativo.

Como deu para notar até agora, o portal corporativo é a solução ideal para várias necessidades da empresa. No mercado, há diversos especialistas para fornecer esta ferramenta para você. Não veja a implementação deste sistema no seu negócio como despesa. Ela é, na verdade, um investimento importante na busca por mais produtividade e competitividade.

Você ainda tem alguma dúvida sobre o que é um portal corporativo e como ele agrega valor ao negócio? Deixe seus comentários pra gente!

Leia Mais