Intranet e rede social corporativa
Quando buscam uma ferramenta que permita a colaboração entre seus funcionários, muitas empresas se deparam com uma questão interessante: utilizar uma intranet tradicional ou uma rede social corporativa?

Curiosamente, a resposta pode ser: nem um, nem outro. Porém, para entender essa possível resposta, precisamos primeiramente entender as diferenças entre uma intranet e uma rede social corporativa.

Em termos de colaboração, podemos afirmar que existe uma escala onde, em um extremo, está a intranet tradicional, mais estática e utilizada como ferramenta para a empresa disponibilizar informações à equipe.

Em outro extremo, temos as redes sociais corporativas, dinâmicas, alimentadas e movimentadas pelos próprios usuários, gerando um alto nível de colaboração.

Entre um extremo e outro, ficam uma miríade de outras soluções, que reúnem características sociais ao que seria um software de intranet mais tradicional, resultando assim em uma intranet social ou colaborativa.

As diferenças entre intranet e rede social corporativa

Uma intranet tradicional funciona essencialmente como uma ferramenta de consulta, com baixa interatividade, que pode também incluir um portal para acessar outras aplicações de interesse dos funcionários. Por meio de uma intranet, compartilham-se documentos, modelos, e disponibilizam-se guias e manuais.

Por outro lado, uma rede social corporativa funciona muito como suas contrapartes públicas: permitem que os usuários façam postagens, curtam e compartilhem essas postagens, e ainda que publiquem fotos, vídeos e links para artigos ou notícias de relevância ao trabalho. Embora extremamente dinâmicas, as redes sociais corporativas não oferecem uma funcionalidade completa, deixando a desejar em termos de organização e distribuição de arquivos, documentos e modelos.

Ambos os tipos de solução têm ainda limitação em termos de outras funcionalidades relacionadas a calendários, acompanhamento de tarefas e gerenciamento de projetos, fazendo com que normalmente tenham que ser complementadas por outras soluções.

Isso pode gerar alguns efeitos indesejáveis, como dificuldades de integração e logins diferentes, gerando assim silos de informação onde informações complementares encontram-se apartadas.

Fazendo a ponte com o Sabesim

Algumas soluções, entretanto, fazem a ponte entre esses dois extremos e, muito embora não atendam a todos os requisitos dos dois lados, reúnem as principais características que entregam uma melhor experiência, usabilidade e utilidade à organização e aos seus colaboradores.

Dessa forma, oferecem recursos Integrados de controle de atividades, contando até mesmo com kanban eletrônico, e poderosa integração com calendário.

Essa união de características permite que os usuários atinjam um nível ótimo de colaboração em suas atividades, dando aos gestores um bom nível de controle. Das atividades em andamento, ao mesmo passo em que os colaboradores têm a clareza e transparência de suas atividades.

Os reflexos são claros e perceptíveis a todos: aumento de produtividade, com maior nível de colaboração e foco nas atividades. Um kanban eletrônico, por exemplo, tem o efeito de dar grande visibilidade ao controle de atividades e ao fluxo de tarefas. E a integração com um calendário assegura um alto nível de produtividade, na medida em que garante não somente o controle de tarefas, mas um ótimo gerenciamento individual do tempo de cada um dos usuários.

Conheça o Sabesim e veja como sua empresa pode se beneficiar da integração entre um sistema de controle de atividades e um calendário, na forma de uma intranet colaborativa. E não deixe de comentar, compartilhando experiências ou tirando dúvidas!

Deixe uma resposta