atitudes delegar tarefas

Para que o trabalho na empresa seja executado da melhor forma possível é preciso que ele seja bem dividido entre os membros do time. Cada colaborador fica com determinadas responsabilidades para que o projeto seja entregue, com qualidade, no menor tempo possível. É do líder da equipe a tarefa de distribuir as funções que cada um irá desempenhar – o que pode ser um verdadeiro desafio.

Se o líder não tem preparo para delegar as atividades, a equipe toda pode ser prejudicada. Para evitar que isso aconteça, é importante que o gestor não tome as cinco atitudes listadas abaixo. Confira quais são elas:

1. Dar muitas responsabilidades para um mesmo colaborador

Um dos maiores erros é sobrecarregar um dos membros da equipe. Para garantir que as atividades sejam bem distribuídas, é importante que o gestor tenha confiança no trabalho de todo o time e que conheça muito bem as principais habilidades de cada um.

Cada tarefa deve ficar com o membro que tiver mais conhecimento para desempenhá-la, mas se um dos colaboradores for muito bom em diferentes atividades isso não significa que ele deva receber mais trabalho. Sobrecarregar o profissional pode prejudicar a qualidade do trabalho, resultar em atrasos, causar atritos internos ou até gerar uma dependência no trabalho desenvolvido pelo colaborador.

2. Não oferecer suporte quando necessário

O gestor tem conhecimento para orientar o trabalho da equipe e deve estar preparado para ajudar sempre que necessário. Para isso, deve haver uma excelente comunicação interna. Também é importante agendar reuniões regulares para garantir que todos os membros da equipe estejam no caminho certo e que não existem dúvidas acerca das tarefas.

3. Não dar espaço para que os colaboradores exercitem a criatividade

O gestor deve garantir que todos os membros da equipe saibam que têm amparo quando necessário para desempenhar as suas atividades. Mas ele também deve dar espaço ao time. Muitas boas ideias podem surgir quando os colaboradores têm liberdade para usar a criatividade na busca de soluções.

4. Perder o controle sobre o status das tarefas

Depois de delegar as atividades o gestor deve estar atento aos prazos de entrega. Mas como fazer isso sem exagerar no controle da equipe? Usando um sistema de gestão de tarefas! Assim, cada colaborador registra o status das suas atividades e o líder pode acompanhar a situação do projeto. Ele só precisa interferir quando percebe que há algo errado. O time tem liberdade para realizar as tarefas e o gestor tem controle para evitar falhas no projeto.

5. Não organizar as tarefas em ordem de prioridade

Sempre existem tarefas essenciais e tarefas que podem ser adiadas ou até eliminadas do projeto. O gestor deve ter esta ordem de prioridades bem definida. Isso é importante na distribuição de tarefas porque, assim, o líder sabe quais delas devem ser designadas para os membros mais experientes, já que estes são os colaboradores com maior conhecimento sobre o trabalho desempenhado na empresa e, por isso, apresentam tendência a terminar as atividades mais rapidamente.

Você comete algum destes erros quando delega tarefas na sua equipe de trabalho? Conte um pouco sobre a sua experiência no assunto!

Deixe uma resposta